Como usar seus rendimentos e abrir uma empresa economizando

0
18
como abrir uma empresa economizando?

Não há como negar que todo empreendimento tem seus riscos. Claro que há diversas maneiras de diminuir a probabilidade que esses riscos ganhem força e que se inicie o negócio no momento certo. Além disso, mesmo sendo identificada a melhor hora, gastar menos é sempre uma boa, principalmente no começo. Por isso, é essencial aprender o jeito certo de abrir uma empresa economizando.

Há quem diga também que o valor a ser investido para os gastos no início do negócio devem ser, de preferência, quantias de reserva, economias feitas ao longo de um tempo, muitas vezes, fruto de um investimento ou o resultado de rendimentos sobre valores aplicados. O indicado é que não sejam finanças de capital de giro pessoal, que estejam sendo destinadas a pagamento de contas recorrentes mensais, por exemplo.

como abrir uma empresa economizando?

Dicas para abrir uma empresa economizando

De cara, a primeira dica já foi passada na introdução do texto. Se possível, use sua reserva de rendimentos e investimentos para começar a empreender com mais segurança. Se não tiver, não deixe de dar esse passo na sua jornada. Apenas se certifique de possuir um bom controle financeiro, que será importante em todos os momentos do seu negócio, mas sobretudo neste começo.

Imagine que, no mundo ideal, você tem aquele fundo de reserva – mesmo não sendo um valor alto – ainda sem um destino certo. Tem também uma ideia na cabeça e decide investir em um negócio próprio. Neste momento, você precisa começar a pensar em economia, mais do que nunca. Sim, bem-vindo à jornada empreendedora. É fascinante, mas também irá te desafiar a todo momento.

Veja alguns pontos importantes para se atentar no começo:

1. Onde será a sua empresa?

Um dos primeiros pontos a se verificar é com relação à sede da empresa. Dependendo de sua atividade, é até possível utilizar sua própria residência. Isso pode ser uma alternativa, por exemplo, para algumas atividades de prestação de serviços, como design gráfico, redator, revisor, desenvolvimento web, entre outras. Vale a pena pesquisar. E, se houver essa possibilidade, pode significar uma boa economia.

2. Precisa de empregados agora?

No começo, os empreendedores ficam empolgados e querem deixar tudo estruturado, inclusive a montagem da equipe. Mas, para abrir uma empresa economizando, é necessário pensar com os pés no chão e se perguntar “Vou precisar contratar alguém agora?” A dica aqui é: primeiro, consiga os clientes para sentir se a demanda de serviço realmente vai passar a exigir a contratação de colaboradores. Claro, sempre dependendo do tipo de negócio.

3. Do que vai precisar para começar?

É importante uma empresa começar organizada e estruturada, mas também você deve se lembrar que o movimento natural de um negócio é começar pequeno e ir crescendo, ganhando corpo ao longo dos primeiros meses e até anos. Faça uma avaliação em termos de estrutura e equipamentos necessários. Defina o que você vai precisar para começar suas atividades, conquistar os primeiros clientes, aumentar a receita e então alavancar o negócio para incrementar a estrutura.

4. Quanto pode investir em marketing?

Por mais que não seja um investimento alto, o início de uma empresa vai pedir alguma verba destinada a marketing. Quando falamos de marketing, falamos de um site, hospedagem, domínio, marca e identidade visual, por exemplo. Outros aspectos, como campanhas e contratação de ferramentas, devem ser avaliados de acordo com os objetivos e momentos de cada negócio, mas uma hora ou outra, serão necessários para fazer a empresa crescer.

5. Qual o melhor tipo de empresa para você?

Você terá sócio? Qual será a atividade da sua empresa? Qual sua previsão de faturamento? Essas e outras perguntas são determinantes para identificar o melhor tipo de empresa de acordo com o seu perfil de investidor. E essa definição poderá impactar também financeiramente. A escolha do formato jurídico correto e do regime tributário e do porte mais adequado para a empresa, significam economia de taxas e impostos.

6. Pode armazenar dados na nuvem?

Hoje em dia, informatização e automação de processos significa economia. Claro que, muitas vezes, exige um investimento em desenvolvimento e TI, mas isso é algo que deve ser avaliado com bastante critério. Fato é que esse é um aspecto essencial a ser levado em consideração. Existem diversas soluções que oferecem o armazenamento de dados em nuvem, o que significa mais segurança e é muito mais barato do que manter servidores gigantes e caríssimos. Vale muito a pena pesquisar a respeito!

7. Quanto investir em parcerias?

Contar com parceiros e terceirizar alguns serviços é sempre uma alternativa para abrir uma empresa economizando. Tanto falando de serviços a serem realizados, como até mesmo no marketing e em vendas. As parcerias, desde que bem estudadas, são uma arma importante. Pesquise empresas que tenham sinergia com o seu negócio e proponha parcerias que sejam boas para os dois lados. Nesta hora, o trabalho é muito mais de garimpo e networking, mas que pode representar economias importantes no final.

Se você quer mais dicas para abrir uma empresa economizando e melhorar o seu negócio, acesse Conube!

 

Conube Contabilidade Online

Criada sob medida para quem quer abrir empresa ou quem já tem empresa aberta e quer praticidade e tranquilidade para o seu dia a dia, a Conube é um Escritório de Contabilidade Online que está transformando e facilitando a maneira com que os empreendedores lidam com a burocracia e os impostos no Brasil. Controle tudo pela internet de forma simples, rápida e intuitiva.

As opiniões expostas neste artigo são baseadas na visão do autor e não necessariamente refletem o entendimento do Yubb.