Cogna (COGN3): como foi o resultado do 4T20?

78

A Cogna (COGN3) encerrou o 4t20 com um prejuízo líquido de R$ 589 milhões. O resultado acumulado ajustado do ano também foi negativo, na casa dos R$ 907 milhões, contra um lucro de R$ 771 milhões em 2019.

Afinal, o que está acontecendo com a Cogna? Quais os motivos do resultado negativo? Será que ainda vale a pena comprar as ações da empresa?

Continue a leitura, e veja a análise que o Bernardo fez dos últimos números da companhia. Confira a seguir!

Quem é a Cogna (COGN3)?

Em atividade a mais de 70 anos, a Cogna Educação é um dos maiores grupos educacionais do mundo. No Brasil, o conglomerado atua em todo os estados, e a sua holding – Cogna Educação – controla as seguintes empresas:

Kroton: braço de graduação do grupo, formado por unidades próprias e faculdades parceiras.

Saber: educação básica (escolas próprias) e gestão escolar.

Platos: plataforma de serviços para a graduação.

Vasta Educação: plataforma de serviços para as escolas de educação básica.

Resultado do 4T20

De forma geral, as medidas sanitárias adotadas durante a pandemia afetaram bastante o setor de ensino no ano passado. No caso da Cogna, além da redução de alunos e da inadimplência das mensalidades escolares, os custos com a reestruturação da Kroton contribuíram para o elevado prejuízo, que foi o maior de sua história.

A seguir, vejamos alguns pontos das demonstrações contábeis.

Receita líquida

A receita líquida (RL) da Cogna no 4T20 foi de R$ 1,64 bilhão, 15% inferior à do mesmo período de 2019. O acumulado do ano também registra queda em relação ao exercício anterior. A companhia encerrou 2020 com RL total de R$ 5,9 bilhões, queda de 16% em relação a 2019.

A diminuição da receita deve-se, principalmente, ao menor número de alunos presentes em sala de aula no ano passado. 2020 registrou uma queda de 29% no ensino presencial em relação a 2019. Em que pese o aumento de alunos do ensino à distância ter compensado a perda de alunos em sala de aula, o resultado do ano foi impactado, pois o EAD possui margem de lucro menor do que a das atividades presenciais.

Resultado

O prejuízo do exercício sofreu forte impacto das provisões para devedores duvidosos (PDD).

Segundo o relatório contábil da companhia, se fossem excluídas as PDDs do ano, o EBITDA recorrente seria de R$ 757 milhões, o que representa margem de 20,7%. A Cogna afirma que, em função da inadimplência registrada no ano, preferiu ser conservadora e manteve a PDD elevada.

E para 2021, será que há alguma perspectiva de recuperação para a companhia e para o setor de educação? A reestruturação da Kroton trará os resultados desejados? Será que ainda vale a pena comprar ações da COGN3?

Para responder a essas perguntas, assista ao vídeo abaixo e confira com detalhes a análise dos números da companhia feita pelo Bernardo!

Gostou do vídeo, Yubber? Acompanhe nossas redes e fique por dentro dos principais assuntos sobre o mercado financeiro! 

Instagram: @yubbinvestimentos / Twitter: @yubb_invest / Youtube: Yubb / Telegram > Clique aqui para entrar no grupo

Artigo anteriorAfinal, o que é investimento?
Próximo artigoComo pagar DARF com preço médio?
O Yubb é um buscador de investimentos online e gratuito que tem o objetivo de te ajudar a ganhar mais dinheiro.