Melhores fundos imobiliários para 2022 (com Prof Arthur Vieira de Moraes)

174

Será que faz sentido investir nesse momento em fundos imobiliários? Quais são as perspectivas para 2022 para esse investimento?

Para falar sobre o tema, o Bernardo convidou o professor Arthur Vieira de Moraes, um dos maiores especialistas em FIIs do Brasil. Se você tem dúvidas sobre se deve ou não investir em fundos imobiliários hoje, continue a leitura e confira a entrevista!

Fundos imobiliários para 2022: vale a pena ainda?

Inflação e juros em alta, instabilidade econômica e volatilidade esperada por causa das eleições, tudo isso faz com que 2022 não seja um ano fácil para a renda variável. Por isso, muitos se perguntam se ainda vale a pena investir em FIIs, ao menos nesse momento.

Segundo Moraes, vale sim, inclusive cresce a cada ano o número de investidores na modalidade. “Atualmente, já são 1,5 milhão de brasileiros investindo em FIIs, sendo que em 2018 havia de 200 a 300 mil investidores somente na modalidade”, observa.

Cenário interno

Para Moraes, mesmo com as turbulências da economia brasileira, é um bom momento para investir em FIIs. Se pensarmos nos fundos de tijolos, os preços estão com valor patrimonial bem abaixo do que estavam há um ano, e há boas oportunidades nesse segmento.

No caso dos fundos de papel, os preços já estão mais próximos do que deveriam. Mesmo assim, ainda há espaço para valorização, segundo o professor.

Leia também: Existe futuro para os fundos imobiliários em 2022? (yubb.com.br)

“Olhando para o Brasil hoje, as condições atuais são muito melhores do que há um ano. As pessoas já estão circulando, as empresas e shoppings já retomaram as atividades. Além disso, o setor de logística mostrou um grande potencial durante a pandemia”. Esses são alguns dos exemplos citados por Moraes para explicar o otimismo em relação aos FIIs em 2022.

Ou seja, apesar dos juros mais altos, que motivam o investidor a apostar mais na renda fixa, hoje há bons preços para entrar em FIIs. Além, é claro, de uma situação de menor incerteza na economia e do maior controle sobre a pandemia, com o avanço da vacinação no mundo todo.

Isso significa que o preço dos FIIs deve se recuperar em breve?

Não necessariamente. Isso porque os juros devem continuar altos, ao menos até o final de 2022.

No entanto, as boas oportunidades se justificam porque, do ponto de vista financeiro, o preço das cotas caiu bastante, e o mercado imobiliário está bom. Para Moraes, a expectativa é de manutenção de rendimentos em boa parte da indústria de FIIs e de aumento de rendimentos de alguns segmentos específicos (como shoppings e logística, por exemplo.Por outro lado, os preços não deverão subir rapidamente. Por isso, 2022 tende a ser um ano bom para ir comprando cotas para formar as carteiras.

Assista ao vídeo abaixo, e confira na íntegra as dicas do professor Arthur Vieira de Moraes sobre os FIIs para 2022!

Gostou do vídeo, Yubber? Acompanhe nossas redes e fique por dentro dos principais assuntos sobre o mercado financeiro! 

Instagram: @yubbinvestimentos / Youtube: Yubb / Telegram > Clique aqui para entrar no grupo