Desmitificando os 5 benefícios da poupança

0
107
os benefícios da poupança

A caderneta de poupança é muito popular no Brasil, sobre isso não há dúvidas. Desde muito jovem, a população ouve falar sobre essa aplicação e é incentivada a deixar o dinheiro rendendo por anos e anos neste tipo de conta. Este “investimento” ainda faz sucesso entre os brasileiros, uma vez que existem alguns pontos que continuam deixando-a atraente no mercado, os famosos benefícios da poupança, como por exemplo:

  • Segurança.
  • Liquidez.
  • Baixo Custo.
  • Isenção do Imposto de Renda.
  • Facilidade.

No entanto, os brasileiros precisam entender que essas vantagens não são exclusivas da poupança. É possível encontrar várias outras opções no mercado financeiro que possuem essas mesmas características e ainda mais vantagens.

Para entender melhor sobre este assunto, destacamos abaixo esses tais 5 benefícios da poupança. E você ainda pode aproveitar para conhecer outras maneiras de investir o seu dinheiro ainda este ano!

os benefícios da poupança

1 – Segurança

Muitas pessoas optam pela poupança pois acreditam que o dinheiro estará sempre à salvo. Elas não estão erradas, esse tipo de conta possui a proteção do chamado Fundo Garantidor de Créditos (FGC). Esta entidade ressarce, até certo limite, quem tem ativos em organizações que estão passando por dificuldades financeiras ou até mesmo quebrados.

O que poucos sabem, no entanto, é que esta mesma garantia não é algo exclusivo apenas da caderneta de poupança. Os investimentos em renda fixa, como por exemplo CDB, LCA, LCI, LC, também são assegurados pelo FGC. Então, além da mesma segurança que a poupança, o investidor estará aplicando o dinheiro em opções que apresentam ótimas rentabilidades.

2 – Liquidez

Alguns poupadores preferem deixar o seu dinheiro na poupança pela facilidade no resgate. Isto é, é preciso apenas comparecer a um caixa eletrônico para sacar o dinheiro, ou então utilizar o internet banking para realizar a transferência para uma conta-corrente.

Porém, essa praticidade também não é exclusiva da poupança. É possível encontrar no mercado financeiro alguns investimentos que oferecem a chamada liquidez diária. Isto é, aplicações que permitem que seja realizado o resgate imediato, possibilitando o uso como boa uma reserva emergencial.

Alguns Certificados de Depósitos Bancários (CDB) ofertados no mercado possuem esta facilidade no resgate do dinheiro. A compra do título é bem simples e tudo é realizado pela internet. Além deles, os títulos oferecidos pelo Tesouro Direto também são “resgatáveis” a qualquer momento.

Outro ponto que precisa ser destacado sobre a liquidez diária e a poupança é o aniversário da poupança. Esta data representa o dia do mês que o dinheiro irá render. Então, se você depositou R$100,00 na conta poupança no dia 10 de agosto, os rendimentos entrarão todo mês no dia 10.

Caso você faça um saque antes da data de aniversário, então não ocorrerá nenhum rendimento naquele mês. Dessa forma, o seu dinheiro ficou parado por muitos dias sem conseguir resultados satisfatórios. Viu que não é tão “diário” assim?

3 – Baixo custo

Para muitos investidores, a aplicação na poupança é uma boa forma de escapar das altas taxas administrativas que alguns investimentos possuem. Mas é preciso deixar bem claro que isto não pode ser utilizado como fator decisório, já que existem alternativas melhores que a poupança e que compensam os custos.

A conta poupança aceita qualquer valor para começar o investimento. Então, se em determinado mês as contas ficarem mais apertadas, é possível diminuir o valor da aplicação.

No entanto, não é só a poupança que aceita valores modestos. É possível investir no Tesouro Direto, por exemplo, a partir de R$30. E o melhor: esses títulos costumam render mais que a poupança.

4 – Isenção de Imposto de Renda

Uma das características “atrativas” da poupança é sua isenção de Imposto de Renda. Muitos acreditam que esse ponto a faz compensar comparada a outros investimentos.

Entretanto, adivinhe: no mercado financeiro é possível encontrar outras opções financeiras que também são isentas de IR, mas com rendimento superior que o da poupança. Bons exemplos disso são a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) e a Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), que são investimentos em renda fixa isentos de IR que são utilizados para financiar projetos na área imobiliária e no agronegócio, respectivamente.

Vale destacar que a isenção do Imposto de Renda não pode ser o único parâmetro para o investidor levar em consideração quando for escolher a aplicação. O ideal é sempre analisar todo o contexto, desta forma fica mais fácil escolher a aplicação que mais se adequa ao perfil e objetivo financeiro.

Não se esqueça: o que muitos não sabem é que mesmo isentos, a caderneta, a LCI e a LCA devem ser declaradas na declaração de Imposto de Renda anual como “Rendimentos Isentos e Não Tributáveis”.

5 – Facilidade

Não existe muito mistério para utilizar a caderneta de poupança. Muito pelo contrário! É fácil de usar e qualquer pessoa consegue abrir uma conta, transferir dinheiro e acompanhar o rendimento mensal da poupança.

A cada dia tem ficado mais fácil investir em aplicações mais rentáveis. E o melhor, tudo é realizado através da internet: desde a abertura de conta, transferência do dinheiro, escolha da aplicação e o acompanhamento dos resultados.

Em poucos cliques, você consegue ter uma conta ativa numa corretora de valores e consegue usufruir de aplicações que proporcionam ótimas rentabilidades, tanto no curto quanto no longo prazo.

Diferente da poupança que, apesar de todas as vantagens citadas acima, o seu rendimento é muito baixo, correndo sempre o risco de perder para a inflação. Então, ao invés do investidor conseguir multiplicar o seu dinheiro, ela acaba o fazendo perder poder de compra.

Se você almeja ver o seu dinheiro rendendo, o ideal é esquecer de vez a poupança. Mas antes, procure conhecer os vários tipos de investimentos e escolha as opções mais vantajosas para o seu atual objetivo.

Sempre que possível, tente aprender mais sobre o universo dos investimentos e entender melhor como funciona o mercado financeiro. Dessa forma, fazer seu dinheiro render de verdade deixará de ser uma tarefa árdua para se tornar um hábito prazeroso.

 

Você sabia que esses benefícios da poupança não eram tão benéficos assim? Deixe aqui embaixo nos comentários!

Toro Investimentos

A Toro é a primeira fintech do Brasil a lançar sua própria corretora de valores. Tem o objetivo de oferecer uma experiência digital de investimentos simples, prática e acessível.

 

As opiniões expostas neste artigo são baseadas na visão do autor e não necessariamente refletem o entendimento do Yubb.