Previdência Privada: saiba o que avaliar para começar a investir

0
115
previdência privada

Você sabia que não precisa ser rico para garantir renda para o resto da sua vida? Sim, existem muitas opções de investimentos que podem te auxiliar neste processo. A previdência privada é uma ótima saída, afinal, é um investimento a longo prazo.

Ou seja, você pode poupar por mais tempo e, consequentemente, colher bons resultados no futuro, como uma renda a parte para usufruir. Se ficou interessado e quer conhecer um pouco mais sobre este investimento, contamos tudo para você neste texto. Veja o infográfico e continue lendo.

previdência privada

1. Rendimento

Há um tempo, a previdência não era vista como uma boa opção para investir, por conta de seu elevado custo com taxas de administração e carregamento e também por seu péssimo desempenho em rentabilidade.

Isso acontecia porque esse mercado não era interessante para as melhores gestoras de recursos. Afinal, as regras de gestão de fundos de previdência eram muito rígidas e impediam algumas práticas comuns dos fundos tradicionais como: a cobrança da taxa de performance, e pouca flexibilidade para gestão e escolha de ativos do gestor.

No final de 2017, a Superintendência de Seguros Privados (S– USEP) lançou uma atualização de sua regulamentação da previdência privada com muitas melhorias, aumentando dessa forma o interesse das melhores gestoras do país.

Por isso, atualmente, muitos fundos de previdência privada são excelentes alternativas de investimentos mesmo pensando em questões de custos e rentabilidade dessa modalidade.

2. Planejamento Sucessório

Você sabia que, além de garantir uma renda para o seu futuro, é possível também garantir aos seus herdeiros?

Sim! Muitas pessoas investem em previdência privada com o intuito de ter rentabilidade para repassar após um determinado período para seus herdeiros, sejam naturais (filhos, esposa ou marido) ou designados (qualquer pessoa que você queira que usufrua destes bens).

Para que este processo seja mais simples e menos burocrático, existe o planejamento sucessório, conhecido como uma forma de simplificar o acesso do seu patrimônio para seus herdeiros.

O intuito deste processo é otimizar o período de transição dos seus bens para seus herdeiros, com o menor custo financeiro, tributário e burocrático possível.

Não é somente acumular bens para seus herdeiros, mas sim trabalhar para que essa transição seja a mais simples possível, para que assim tenham menos estresse e complicações ao receber os rendimentos designados para cada um deles.

3. Tributação

Na previdência privada existem duas formas de tributação, seguindo a tabela regressiva e a progressiva. Estas são tabelas utilizadas como base para estipular o valor que será pago de IR (Imposto de Renda) naquele momento.

E sabe o melhor? Na previdência privada há flexibilidade desta tributação, porque é possível escolher qual a melhor opção para o seu perfil, totalmente sob medida. Veja só:

Tabela Progressiva

Se você não procura um investimento para resgatar valores altos mensalmente, a previdência privada com esta tributação pode ser a melhor saída.

Inclusive, se você quiser retirar, após o vencimento, valores de até R$ 1.903,98 não será necessário arcar com o imposto de renda. Porém, valores maiores que esse, terão que pagar a porcentagem de tributação de acordo com a tabela.

tabela progressiva da previdência privada

Tabela Regressiva

Já esta tabela mantém uma ideia contrária da progressiva porque é ideal para investidores que buscam aplicações a longo prazo e não buscam retirar nenhum valor antes do período determinado.

Esta tabela possui porcentagens mais altas, como, por exemplo, até 2 anos a alíquota será de 35%. Já acima de 10 anos a alíquota será de 10%.Logo, quem assume este investimento até o fim garante que não terá prejuízos no final do período determinado.

tabela progressiva da previdência privada

Vale ressaltar que ambas as tributações da previdência privada, são isentas de come-cotas, conhecido por ser a antecipação do recolhimento do Imposto de Renda sobre os lucros dos seus investimentos.

4. Portabilidade

Se você aplicar seu dinheiro em um fundo de investimento e, em algum determinado momento, quiser mudar para outra opção de fundo, saiba que este processo não será nada simples.

Você terá que resgatar todo o seu dinheiro, causando perdas pela antecipação de impostos. Então você terá que escolher um novo fundo para investir, e aplicar o valor que sobrar depois do pagamento do imposto de renda.

Já com a previdência privada não é preciso ter trabalho com nada disso. Já pensou? Se você desejar mudar o seu plano de previdência para outro, é possível realizar uma portabilidade de forma simples e fácil.

Como é uma portabilidade de investimentos e você não terá que resgatar suas aplicações financeiras, também não ocorrerá a incidência de impostos. Logo, essa acaba sendo uma forma muito mais barata de tocar de um fundo para outro. Por isso, seguindo a ideia de simplicidade entre os investimentos, a previdência privada pode ser uma ótima saída.

5. Débito em conta

Falando em facilidade e simplicidade ao investir, com a correria do dia a dia, ou até mesmo a falta de planejamento financeiro, muitas pessoas acabam não se organizando para aplicar seu dinheiro em investimentos (muito menos em sua aposentadoria) gastando tudo o que ganham.

Com a previdência, é possível contratar o plano desejado e optar por debitar diretamente da sua conta o valor escolhido durante o período determinado, facilitando suas aplicações e te ajudando a organizar seu futuro nos investimentos.Assim fica fácil investir a longo prazo sem estresse e complicações.

Conclusão

Como vimos, a previdência privada pode ser uma ótima saída para o seu dinheiro, além de ser uma boa opção para diversificar sua carteira de investimentos.

A previdência visa sempre o formato a longo prazo para que alcance ótimos rendimentos, e claro, tudo de acordo com o que buscar receber após o período determinado.

 

O melhor de tudo é que existem vários tipos de previdência privada para que você possa obter ganhos relevantes. Ficou com alguma dúvida? Comente aqui embaixo para te ajudarmos! E caso queira se aprofundar ainda mais no assunto, temos um e-book totalmente gratuito e completo para você! Para acessar é só clicar aqui.

 

Mais Retorno

Mais Retorno é uma fintech que tem como objetivo informar, ensinar e desmistificar o mundo dos investimentos e finanças pessoais para investidores de todos os níveis, com isenção e uma linguagem divertida, interessante, prática e acessível.  

 

As opiniões expostas neste artigo são baseadas na visão do autor e não necessariamente refletem o entendimento do Yubb.